Páginas

terça-feira, 19 de julho de 2011

Dayane e a Arte Cemiterial

Essa foto gosto muito!Quando o anjo aponta para o céu, é porque acreditam que o falecido era uma boa pessoa, e que este irá ao paraíso!

Esta escultura representa Eurídice, do conto mitológico de Orfeu.

Gosto muito dessa foto!Essas flores eu havia pedido a um senhor que estava enfeitando um túmulo,rs.


Essa também gosto bastante!Os anjos na simbologia cemiterial, são os mensageiros do céu!



Estava dando uma chuva forte!

Os anjos querubins são colocados nos túmulos das crianças.




Como está escrito no meu perfil (ao lado), eu sou uma apaixonada por Arte Cemiterial, tanto que o meu TCC foi : A Simbologia na Arte Cemiterial.
Muitos podem achar que essa minha afeição por cemitérios começou na adolescência, na fase “gótica” da minha vida, mas não foi. Desde criança sempre gostei desses ambientes, não por gostar de morte, mas por gostar da sensação de finitude que isso nos passa, por sermos todos iguais neste momento. Olha, tenho que confessar que o que me trai nos cemitérios não são só as esculturas, o silêncio e blá blá blá, como alegam todos que dizem gostar, mas o próprio lugar me atrai, sendo ele ornado com belas esculturas ou não (Aloka!rs).Porém, as esculturas me atraem e MUITO!As esculturas encontradas no cemitério são carregadas de simbologia. Cada detalhe tem um significado, nada está por acaso. Para a decifrarmos, não basta sabermos o que é aquilo, mas o PORQUE daquilo estar ali, qual história aquele símbolo carrega, além de estarmos abertos a pesquisar sobre as mais diversas áreas: história, psicologia, geografia, filosofia e principalmente Mitologia. É uma pesquisa extensa, carregada, mas maravilhosa! Meu TCC foi feito com mais 3 meninas (sendo que uma, aff! Não dá nem pra contar!), mas eu que encabecei tudo, pois sempre foi um grande interesse meu, um projeto meu. Na verdade (ai, que dor no coração falar isso!Amo minhas amigas, mas...) se eu pudesse voltar no tempo, teria feito sozinha, pois é um projeto muito especial para mim.
Bem, mas hoje não entrarei em detalhes, até porque não estou com meu TCC em mãos, posso falar alguma besteira,rs. O que quero na verdade é expor algumas fotos que fiz no Cemitério da Consolação, e, São Paulo, SP. Essas fotos não tem a ver com simbologia (não diretamente), são fotografias com um pouco do meu olhar sobre as coisas, tentando partir mais para o artístico e não tanto o documental.
As outras fotos tiradas no Cemitério da Consolação estão no álbum Vilarejo, no meu Flickr.

10 comentários:

  1. As fotos são lindas. Há cemitérios muito ricos em termos de arte e também de gastos. Estamos caminhando para a simplicidade porque além dos ônus elevados para se ter uma sepultura dessas, não há espaços nem disponibilidade financeira. Mas o que já existe há que ser preservado.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Boa noite Dayane,

    Oh, te digo que os cemitérios da cidade de onde moro não são assim, os saí de são mais decorados com monumentos expressivos.

    Convido você a participar da campanha: Um minuto pela família. Acabei de entrar e participar, gostaria , que você fizesse parte desta união. No blog está tudo explicado, qualquer dúvida pode pergunta.

    Abraço, abençoada noite!

    ResponderExcluir
  3. Dayane, sendo bem sincera contigo, vc é a primeira pessoa que eu conheço que tem esse gosto e eu acho legal o interesse, pois como vc explicou num tem nada a ver com ser gótica ou gostar de morte, é a arte que te atrai!

    Muito bom conhecer mais as pessoas!!!

    bjokitas mil pra ti ;)

    ResponderExcluir
  4. AMEI, que super, eu gosto dos cemitérios coloniais e da época do Império, acho que eles passam algo de lirico, talvez por que as pessoas naquela época terem uma relação com a morte diferente da que temos hoje...

    Enfim, amei o post, nem sabia que tinha um nome especifico para a arte que se produzia no cemitério!

    ResponderExcluir
  5. Nossa, apesar de serem num cemitério, lindas fotos, não gosto de cemitérios, talvez por ter enterrado tantas pessoas da minha família ainda muito nova, hoje em dia não vou mesmo, detesto, acho que tenho trauma.
    Mas suas fotos ficaram lindas. Parabéns!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá,Dayane!

    Que belas fotos!!As esculturas impressionam pela beleza !!
    Lindo post!
    Beijos!
    Feliz dia do amigo!

    ResponderExcluir
  7. lindissima postagem amiga, adorei...
    beijinhos querida.

    Amigos um belo dia do amigo pra vcs... na musica do milton nascimento e fernando brant a belíssima _Canção da América_, nada pode representar melhor um amigo e a sua importância...

    Canção da América

    Amigo é coisa pra se guardar
    Debaixo de sete chaves,
    Dentro do coração,
    assim falava a canção que na América ouvi,
    mas quem cantava chorou ao ver o seu amigo partir,
    mas quem ficou, no pensamento voou,
    com seu canto que o outro lembrou
    E quem voou no pensamento ficou,
    com a lembrança que o outro cantou.
    Amigo é coisa para se guardar
    No lado esquerdo do peito,
    mesmo que o tempo e a distância, digam não,
    mesmo esquecendo a canção.
    O que importa é ouvir a voz que vem do coração.
    Pois, seja o que vier,
    venha o que vier
    Qualquer dia amigo eu volto a te encontrar
    Qualquer dia amigo, a gente vai se encontrar.

    depois disso é esperar que nossos corações emocionem-se com nossas amizades como emocionamo-nos qdo ouvimos esta declaração de amor, tão maravilhosamente interpretada na voz do meu querido milton nascimento.

    e esperar que cada um de nós escute o que fala o nosso coração...ate pq tudo que eu queria dizer eles já falaram, faço minha a voz deste gigante da nossa musica.

    beijinhos queridos um belo dia do amigo todos...

    ResponderExcluir
  8. Amigos um belo dia do amigo pra vcs... na musica do milton nascimento e fernando brant a belíssima _Canção da América_, nada pode representar melhor um amigo e a sua importância...

    Canção da América

    Amigo é coisa pra se guardar
    Debaixo de sete chaves,
    Dentro do coração,
    assim falava a canção que na América ouvi,
    mas quem cantava chorou ao ver o seu amigo partir,
    mas quem ficou, no pensamento voou,
    com seu canto que o outro lembrou
    E quem voou no pensamento ficou,
    com a lembrança que o outro cantou.
    Amigo é coisa para se guardar
    No lado esquerdo do peito,
    mesmo que o tempo e a distância, digam não,
    mesmo esquecendo a canção.
    O que importa é ouvir a voz que vem do coração.
    Pois, seja o que vier,
    venha o que vier
    Qualquer dia amigo eu volto a te encontrar
    Qualquer dia amigo, a gente vai se encontrar.

    depois disso é esperar que nossos corações emocionem-se com nossas amizades como emocionamo-nos qdo ouvimos esta declaração de amor, tão maravilhosamente interpretada na voz do meu querido milton nascimento.

    e esperar que cada um de nós escute o que fala o nosso coração...ate pq tudo que eu queria dizer eles já falaram, faço minha a voz deste gigante da nossa musica.

    beijinhos queridos um belo dia do amigo todos...

    ResponderExcluir
  9. Oi Dayane...adorei o blog,obrigada pela visita!!
    Beijos e bom fds

    ResponderExcluir
  10. Também acho muito interessante as esculturas encontradas nos cemitérios. Eu olho para elas com uma visão diferente da sua, menos analista e mais artistico. Mas enfim, independentemente do olhar elas são lindas.

    Beijos

    ResponderExcluir

Olá queridos!
Seu comentário é bem vindo!Pode criticar, elogiar, desabafar, indicar referências, sinta-se a vontade!
Comentários na intenção de ofender serão ignorados!